POESIAS

VOLTAR

Teu olhar



Um dia era o olhar
Chegava tranquilo
Como quem conhece
Meu corpo inteiro
Mirava meus seios
Com ares de dono
Assim como quem recorda
De algo divino
Tragava meus lábios
Lambia minha face
E então mergulhava
Em minhas pernas
Audacioso e inquieto
Depois... Já não lembro mais nada
Sei apenas que teus olhos
São como um gato:
Eram tímidos depois arranham.

Teresa C C de Sousa Autor Teresa C C de Sousa MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE