POESIAS

VOLTAR

Cumplicidade

CUMPLICIDADE

Falamos da mesma coisa eu e você.
Tentamos rumos
e elaboramos esquemas
perdemos noites na última linha
do mesmo poema.
Fechamos nossos olhos rasos dágua
e calamos mil palavras num beijo só.
Já buscamos modificar as teorias
já mandamos tudo pro ar
em rebeldia.
Fomos gurus, integralistas,
céticos,
idealistas,
astros de vanguarda do fundo do quintal
bebemos mal.
Trocamos doses, idéias,
filosofias,
erguemos o mesmo brinde pela vida
pra depois quebrar o copo.
Hoje estão soltas
as palavras
as folhas
a poesia.
Hoje estamos na vida
buscando um jeito pra viver.
Porque falamos da mesma coisa
eu e você.

Ana C de Freitas Autor Ana C de Freitas MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE