POESIAS

VOLTAR

Poesia

Queria ser uma de suas poesias
para que me lapidasse
e me lesse todos os dias.
pra ouvir sua boca pronunciar-me
num vaidoso tom de sedução
para que sejas meu
e eu sua perfeição.
Queria ser uma de suas poesias
pra nascer todos os dias de sentimentos teus...
em versos cantados
por ti ser cantada
e por dentre linhas e linhas
por teus olhos ser admirada
e em sua consciência ser guardada.
Queria ser uma de suas poesias
para que decorasse cada parte minha
para conhecê-lo na alegria
e o consolar quando ninguém puder tal fazer.
Pois se é de uma amassada folha de rascunho que se nasce um poeta
Estou aqui!
Para que em mim possas nascer.

Marluce Persil Autor Marluce Persil MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE