POESIAS

VOLTAR

Metrópole ardente

Eu sou só mais um interior ardente pro país da vida. Às vezes eu sou metrópole, às vezes eu extravaso a fronteira. Hora sou pequena demais, hora sou gigante. Quem dirá o contrário?

Iasmim Rodriguez Autor Iasmim Rodriguez MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE