POESIAS

VOLTAR

Um olhar diferente

Olhos sem luz
São tantos dá dó,
Que cruel destino.
Vejo em vários lindos rostos!
Homens, mulheres e meninos.

Se a vida os fez assim
Outra luz ficou,
E os guiam sem medo.
E enxergam tão bem
Sem apontar o dedo!

Veem melhor do que muitos
Que não merecem ver
São felizes posso sentir.
O brilho em seus rostos
É lindo vê-los sorrir!

Lembro de um exemplo
Dum homem que orgulha.,
E o Brasil aplaude de pé!
Falo de um poeta. , O grande
Patativa do assaré !

É muito que nem sei dizer
Que enfrentam seu destino,
Com alegria e amor. ,
Vivendo a vida feliz
Sem resmungo e clamor.

Tomara que volte logo
O homem de Nazaré,
O filho de Davi.
Para lhes trazer luz
E seus olhos abrir.

Dedicado: aos deficientes visuais.



Adão Sousa Silva Autor Adão Sousa Silva MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE