POESIAS

VOLTAR

Resistência

Enquanto a mentira me rodeia
em frente ao lago dos patos
no meio da selva roteia
o canto dos pássaros

Os observo cético de sua resistência
onde Gonçalves os deixou
aqui onde ainda gorjeiam
nesse seio há mais amor?

Nossos bosques tem calçadas
luminárias e concreto
dos primores o manifesto
nesse canto perto da estrada

Em frente ao lago dos patos
me deleito de seus louvores
onde a paz é prêmio raro
a natureza mostra suas cores.


Ícaro De S E S Autor Ícaro De S E S MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE