POESIAS

VOLTAR

Quase Amor

Eu poderia invadir teus sonhos
Enfeitar tua rua, pichar os muros com teu nome.
Eu poderia fazer greve de fome
Ou anunciar tudo que sinto em meio à multidão.
Eu poderia gritar sem medo
Que meu amor não é segredo
E que é só teu meu coração.
Eu poderia perder muito mais tempo
Escrevendo, cantando, entendendo...
Poderia seguir teus passos
Apagar todos os teus fracassos
E esquecer tudo o que um dia foi silêncio.
Eu poderia ir até o fim, sem nada saber
Transformando a dor em nosso mais belo prazer
Eu poderia invadir teu mundo
Percorrer cada segundo do teu amanhecer.
Mas, não sou tão romântico.
E você nem tão importante
Admito, quero você apenas por um instante.
E depois inventar qualquer desculpa
Fingir, mentir e depois camuflar intimidade.
Nenhum destes versos são verdades
Nem existe sentimento, fracasso ou silêncio
É tudo invenção, poética barata, passatempo.
Real aqui, somente as palavras e mais nada...



Rubens Scapone Autor Rubens Scapone MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE